Poemas e crônicas escritos para ele...

    Embriagada (por Cláudia Bergamini) O corpo é coerente, é fogo, é forma... O vinho é suave, é chama que deforma... O son...